“Se fosse pra eu dar um conselho pra todo mundo hoje seria: demonstrem o amor de vocês. Não percam nenhuma oportunidade de ficar perto de quem vocês amam. Não deixem distância nenhuma se tornar obstáculo. Hoje eu sei que a gente realmente não sabe o que o amanhã nos reserva, e a única coisa que a gente pode fazer é aproveitar tudo e todos como se hoje fosse o seu último dia.”
Caio Fernando Abreu.    (via s-i-m-p-l-i-f-i-c-a-r)

“Eu só queria uma nova chance em te ter, com isso eu amaria você! Não que antes eu não a tivesse amado, sabe? Eu amaria mais do que ninguém um dia amou alguém. E em um de seus vai e vens, você jogou essa chance em um precipício. Não podia deixar essa chance perder, sem pensar pulei no escuro onde não se podia ver, pulei na esperança dessa chance salvar, pulei, na abisma estanha, mas eu não era homem aranha e não tinha teia para voltar. É! Eu cai, cai esperando que você estivesse ali, não precisava morrer comigo, mas mostrasse ainda ser um amigo, e ao meu enterro fosse chorar. Não precisava dizer que me amava, só um simples adeus bastava.”
Se eu fosse Homem Aranha. (via romeuemcrise)


“Às vezes, não há nenhum aviso. As coisas acontecem em segundos. Tudo muda. Você está vivo. Você está morto. E as coisas continuam. Somos finos como papel. Existimos por acaso entre as percentagens, temporariamente. E esta é a melhor e a pior parte, o fator temporal. E não há nada que se possa fazer sobre isso. Você pode sentar no topo de uma montanha e meditar por décadas e nada vai mudar. Você pode mudar a si mesmo para ser aceitável mas talvez isso também esteja errado. Talvez pensemos demais. Sinta mais, pense menos.”
Charles Bukowski.  (via esnobou)




THEME